29 abril, 2008

Itacoatiara 2008 - A temporada está aberta! (feche a boca, calma, você está apenas na frente de um computador!)

Antes de tudo: Bruninho no WCT do Taiti 2008!! Parabéns (independente do que venha por aí)!!!! Orgulho do Brasil, nunca houve nada igual a isso na história do surfe brasileiro!!!!!!!!! Nem um futuro campeão mundial precisa fazer tanto! Veja o Bruninho lá!



Olha o BS aí! Ele não tava em Itacoá no domingo, mas tava em Teahupoo!



Salve Surfe Pensado e pensantes! A temporada Itacoá 2008 começou...






Segue texto (sem edição) do meu amigo Zezão, o videomaker-viciado-em-Itacoá-e-Itapuca-mais-politizado-de-Niterói (e do Brasil):






(não desanimem, tem foto lá em baixo, ok?!)




"Está Aberta a Temporada nas Desafiadoras Ondas de Itacoatiara" Por Zezão




"Esta semana que passou, vai ficar marcada para os surfistas niteroienses como a abertura da temporada de ondas na cidade. Na quinta-feira, dia 24, um ciclone extra-tropical, proporcionou uma ondulação de 2,5m, com direção de sudeste, e fez quebrar boas ondas na Baía de Guanabara, provocando inclusive um acidente com um catamarã, da Barcas SA, que faz a travessia Charitas / Praça XV. As ondas quebravam no meio da baía, exatamente pelo percurso da embarcação. Pela manhã, Itapuca funcionou bonito, com ondas de 1,5m, que podiam ser surfadas da “Primeira” até o Praião. Outras praias também quebraram ondas, como Boa Viagem, Flechas, São Francisco e Ponta do Morcego em Jurujuba. Guilherme Herdy e Rafael Curi partiram em direção das ondas que quebravam no meio da baía, e segundo Rafinha, lá fora elas chegavam a 2,0m. Ele inclusive, com sua 8.3, conectou uma onda até a ilha da Boa Viagem, foi para direita, e queria tentar completar até a praia, mas no meio do trajeto, entre a ilha e a praia das Flechas, a onda engordou e não deu para conectar a onda, o que seria uma façanha histórica.



Essa ondulação puxou bastante areia na praia de Itacoatiara, fazendo com que a ondas voltassem a quebrar surfáveis, e mais afastadas da praia. Devido a direção de sudeste, o fundo no canto do Pampo (direito) acumulou mais areia. No sábado, dia 26, a ondulação já começava a dar sinais de virada para sul, e ondas 1,0m a 1,5m, bastante tubulares, faziam a cabeça dos surfistas e bodyboarders. Dentro da água já havia uma expectativa em relação ao dia seguinte, pois as previsões indicavam ondas de 2,5m, com ondulação de sul, influência de sudoeste, e um alto período de pico, entre 13 e 15 segundos. Condições ideais para quebrar ondas perfeitas no Pampo.





Quando cheguei em Itaquá, já deu para perceber que o mar não estava pra qualquer um. A princípio pensava em cair no Pampo, pois o mar estava muito fotogênico. No Costão, também havia uma condição de surf, mas estava bastante balançado, e as ondas não entravam tão limpas quanto no Pampo.



Além dos bodyboarders, apenas três surfistas estavam na água, e enquanto montava a minha câmera, vi o Rafael Curi saindo. Fui em sua direção para avisá-lo que iria gravar umas imagens, e ele me respondeu que tinha sido expulso pelo mar. Tomou uma série enorme na cabeça. Teve sua cordinha arrebentada, e saiu cansado pelos caldos que levou. Cheguei oferecer um outro estrepe, mas ele me disse que não tinha mais condições de voltar ao mar. Para o Rafinha, big rider local, dizer que o mar estava muito difícil e potente, era porque a condição não estava pra brincadeira mesmo.



Os outros dois surfistas eram Evaristo Ferreira, e um não identificado. Na quinta, 24, Evaristo foi surfar na laje de Itaúna em Saquarema, mas domingo não hesitou em conferir as condições das pesadas ondas de Itacoatiara. Kiko é um dos mais destemidos big riders brasileiros, e sempre monitora os maiores swells em busca do prêmio oferecido pela Greenish, pela maior onda surfada no ano. Em 2006 ele venceu o desafio, mas no ano passado, quanto tudo indicava o bicampeonato, Bruno Santos surfou uma bomba assustadora em novembro, e faturou os R$ 25.000,00, com uma das maiores ondas já registradas no Brasil.



A ondulação de sul / sudoeste é a melhor condição para o canto do Pampo, pois as ondas entram de lado, e formam os triângulos. Da areia o mar estava muito bonito. A brisa de terral deixava as ondas bem lisas, e aparentava não estar tão difícil. Mas os picos formados pelas laterais, que eram rebatidas pela pedra, aumentavam a concentração de energia nas ondas, que quebravam muito tubulares, dificultando a entrada nas morras. Ondas sólidas de 2,5m com séries de 3,0m completavam o cenário de mais um dia clássico de ondas grandes.
Apenas os bodyboarders conseguiam se jogar nas bombas, e mesmo assim com muita cautela. Destaques para Zé Otávio e Guilherme Côrrea. Evaristo demonstrou uma experiência incomum para domar as desafiadoras ondas de Itacoatiara. Foi o único surfista que conseguiu dropar as ondas no Pampo. Ele se posicionou um pouco mais para o meio, onde as maiores séries eram rebatidas. Ficava aguardando as certas, e mesmo assim permanecia um bom tempo sem descer alguma.



Consegui registrar duas ondas incríveis, em torno dos 3,0m. Nas duas ele botou pra dentro da massa d’água. Na primeira, que entrou bem formada e aberta, ele ficou na porta do tubo, e saiu na baforada. Quando completou a onda, foi um alvoroço na areia. A galera vibrou muito. A segunda que eu registrei, aparentava ser um pouco menor no drop, mas depois da cavada, a onda armou um tubo gigantesco, mais cabuloso que o primeiro. Kiko completou a primeira seção. Quando podia tentar a saída, ele preferiu permanecer lá dentro do salão até a onda fechar. Levou algumas ondas na cabeça na “zona do agrião”. A força do mar arrebentou seu estrepe, fazendo que ele saísse definitivamente da água.



Talvez essas não sejam as maiores ondas do ano, mas com certeza foi um bom treino para quem está na disputa pela bolada oferecida pela Greenish. Evaristo Ferreira mais uma vez demonstra, com atitude nas morras, que trabalhará duro para se sagrar novamente campeão brasileiro de ondas grandes.



Os mapas de previsão do Waves indicam novas ressacas, para quinta, feriado do dia do trabalhador, e sábado. Este talvez seja um dos maiores do ano. A disputa pelo prêmio este ano promete ser quente
."

=======================

Valeu Zé! Parabéns pelo registro, e por não ter se arriscado naquele mar sinistro! Porque, agora, você deve pensar por três...








As fotos (do Evaristo Kiko Ferreira!!) são na verdade "frames" das imagens gravadas pelo Zezão, que já podem ser apreciadas no Waves e em breve nos programas do canal Woohoo.

Ressaltando que depois das duas ondas do Evaristo, no vídeo do Zé, tem imagens do salvamento sinistro feito pelos bombeiros (salve Corrêa!!!!), de três mulheres que foram puxadas pelo mar no canto do Pampo. A atuação dos salva-vidas foi aplaudida pelos banhistas, uma homenagem bonita depois de uma atuação que garantiu o bom viver da praia no fim de tarde desse domingo inesquecível! Parabéns Evaristo!! (Rafinha merece honras, pois a onda dele, antes de levar "umas 25 na cabeça" foi linda, azul, enorme, com uma atrasada maestral, seguida de tubo e, infelizmente, uma entrada de borda... Valeu Neyson!!!!).






















































































































O Hawaii é quase aqui, às vezes, e o Bruninho tá lá no evento principal no WCT do Taiti, juntinho com Jamie Oul... Veremos no que isso vai dar...



PS: Em breve, em maio/08, a Fluir trás Itacoatiara em suas páginas... confiram!




Um comentário:

ale_alexandrino disse...

fala ae moçada, sou alexandre alexandrino tenho 22 anos e sou mrador da charitas, sempre surfo em itacoa e no forte (imbui) e nas ressacas que rolam na nossa querida itapuquinha, na quinta feira que o catamarã quase virou... eu cai na itapuca e depois na ponta do morcego onde tinha altas ondas e so a galera local... na hora que eu estava saindo vi o herdy e o rafael chegando la, mas depois fiquei sabendo por amigos que eles não cairam la, pois a maré tava cheia e as ondas pioraram... mas de qualquer forma valeu, o sweel foi bem aproveitado, e no domingo em itacoa as ondas estavam grandes e no forte (imbui) de gala, com ondas de 1m perfeitas quebrando no meio e no canto eesquerdo. abraços ai sempre que posso venho aqui ler os comentários!
abraços!